“SP vai rastrear prédios vazios para cobrar IPTU maior.”

em

Desde a quinta-feira, São Paulo se tornou a primeira cidade do País a regulamentar a cobrança de Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) progressivo de proprietários de imóveis vazios. Setenta e oito endereços na região central da cidade foram notificados e, até o fim de novembro, com base em um rastreamento em toda a capital que já foi iniciado, mais 500 imóveis deverão fazer parte da lista.
Segundo o prefeito Fernando Haddad (PT), a medida servirá para combater a especulação imobiliária e baratear o valor de apartamentos e aluguéis. Os proprietários têm prazo de 15 dias para contestar a inclusão na lista. Depois disso, terão um ano para regularizar a situação.
Caso isso não ocorra, o IPTU começará a ser aumentado de forma progressiva. Exemplo: um imóvel hoje paga alíquota de 2%. Se for ocioso, passará a pagar 4%, valor que dobrará até alcançar o teto de 15%. A partir do quinto ano, o dono poderá até perder a propriedade. “Qualquer imóvel pode ser desapropriado”, disse Haddad. “A diferença é que, no IPTU progressivo, a indenização pode ser paga com títulos da dívida pública”, explicou.

Veja em:http://www.em.com.br/app/noticia/nacional/2014/10/31/interna_nacional,585380/sp-vai-rastrear-predios-vazios-para-cobrar-iptu-maior.shtml

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s